fbpx

Dúvidas? Entre em contato com nosso time!

Selecione e contrate agora a Senhor Contábil

HomeBlog Senhor ContábilContabilidade OnlineQual é a diferença de nota fiscal eletrônica e nota fiscal avulsa?

Qual é a diferença de nota fiscal eletrônica e nota fiscal avulsa?

Postagens recentes

Ao abrir uma empresa, os empreendedores devem conhecer suas obrigações perante a legislação. A emissão da nota fiscal é uma delas, entretanto, nem todas as empresas são necessariamente obrigadas a esse procedimento.

Abaixo, confira como funciona a questão de emissão de notas fiscais!

O que é Nota Fiscal Eletrônica?

Com o advento da tecnologia, as empresas podem fazer a emissão da nota fiscal eletrônica. Esse documento serve para comprovar que houve uma transação de compra e venda.

Antigamente, isso era feito manualmente através de blocos de notas fiscais.

As empresas podem usar o sistema de notas fiscais da Secretaria da Fazenda do seu estado. Ou então, ter um software destinado para a emissão da nota.

Esse formato facilita as transações para a empresa e também, permite um controle mais efetivo do fisco para controle do pagamento de impostos.

Vale lembrar, que a nota fiscal eletrônica é uma obrigação tributária e deve ser emitida pelas empresas que prestam serviços ou vendem produtos. A isenção é destinada a poucos casos como o MEI que vende para pessoa física.

O que é Nota Fiscal Avulsa?

A Nota Fiscal Avulsa possui o mesmo valor do que a Nota Fiscal Eletrônica. A diferença é que não é necessário um software específico para sua emissão, isso é feito através de um sistema online da Secretaria da Fazenda ou da  Prefeitura da cidade, no caso de prestação de serviços.

A Nota Fiscal Avulsa é indicada para o MEI que não possui um grande fluxo de operações. Nesse caso, quando ele vende produtos ou presta serviços para uma pessoa jurídica, é importante fazer a emissão da nota fiscal.

O MEI não tem obrigatoriedade de emitir a nota fiscal para vendas e prestação de serviços para pessoa física. Contudo, se o cliente solicitar, ele deve atender.

Autônomos que exercem uma atividade eventual, sem vínculo empregatício também podem usar a nota fiscal avulsa, caso o seu cliente solicitar.

Veja as diferenças

Em termos legais, não existem diferenças entre a nota fiscal eletrônica e nota fiscal avulsa. Contudo, quando se fala de questões burocráticas, elas são muitas.

A Nota Fiscal Eletrônica é emitida diante da venda de produtos. Para isso, a empresa precisa ter o credenciamento no posto fiscal estadual, assinatura eletrônica por meio do certificado digital  e também,  um software específico para conseguir fazer a emissão.

Em se tratando de Nota Fiscal para prestação de serviços, esse deve ser feito pelo site do município onde o trabalho ocorre sempre que um determinado serviço é prestado. Dessa forma, ocorre a incidência do ISS (Imposto sobre Serviço).

Em contrapartida, a Nota Fiscal Avulsa é bem específica, é indicada para MEI que possui pouca movimentação e tenha feito negócios com uma pessoa jurídica. E também para autônomos que exercem uma atividade eventual, sem vínculo empregatício.

Na maioria das vezes, os autônomos usam o Recibo de Pagamento Autônomo. Entretanto, existem situações em que os clientes exigem a nota fiscal de seus prestadores de serviço e portanto, a nota avulsa pode suprir essa necessidade.

Contudo, nesse caso dos autônomos, é o governo municipal que deve cadastrar os profissionais e dar a permissão para que eles façam a emissão da nota fiscal avulsa.

No caso do MEI, cada estado tem protocolos diferentes para emissão da nota fiscal avulsa.

Algumas regras da nota fiscal avulsa:

  1. Precisa realizar o cadastro na SEFAZ do estado para conseguir a liberação da nota;
  2. A nota fiscal avulsa pode ter até 10 produtos na sua descrição. Caso exceda esse número, é necessário emitir outro documento;
  3. A nota fiscal avulsa precisa ser impressa para ter validade fiscal, o empreendedor deve guardar ela por 5 anos;
  4. A nota fiscal avulsa não pode ser corrigida, em caso de erros, ela deve ser cancelada e emitida em um novo documento;

cálculo de impostos sobre a nota fiscal avulsa é feito mediante o regime tributário da empresa.

Uma assessoria contábil pode auxiliar na gestão do seu negócio, emissão de notas fiscais e na apuração de impostos.

Com a contabilidade online do Senhor Contábil, os microempreendedores e empresas de pequeno porte pagam uma baixa mensalidade para contar com a ajuda de profissionais especializados.

O atendimento é rápido, humanizado e os relatórios contábeis podem ser vistos de qualquer lugar, basta ter internet. Confira como funciona clicando aqui!

Fale com um especialista

Preencha as informações que em breve entraremos em contato com você.
Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.
Você prefere que o especialista te contate por:

Seja nosso parceiro

Preencha as informações que em breve entraremos em contato com você.
Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.

Fale conosco

Preencha as informações ao lado que em breve entraremos em contato com você.
Ative o JavaScript no seu navegador para preencher este formulário.

Abrir minha empresa

Trocar meu contador

Migrar meu MEI para ME

Soluções para sua empresa